Principais características do Android 7 (Nougat)

Principais características do Android 7 (Nougat)

É praticamente uma tradição a Google lançar novas versões do sistema operacional Android no final do ano e neste não será diferente. Mas o que esperar da novíssima versão Android 7 (Nougat)?

Na prática, esta versão não traz grandes inovações, mas a consolidação das tendências tecnológicas que, de certa forma, já estão disseminadas entre nós, tais como suporte nativo para realidade aumentada, aprimoramentos de segurança, divisão da tela para multitarefa (multi-janelas), melhorias na central de notificação, otimização de performance do sistema operacional, suporte a multi-idiomas, design/usabilidade do menu de configuração dentre inúmeras outras (informações mais detalhadas aqui).

O recurso mais relevante para o usuário final, na minha opinião, é a opção multi-janelas (presente em algumas versões anteriores customizadas por fabricantes), que permite abrir e executar dois aplicativos em uma mesma tela, possibilitando o uso simultâneo de apps.

No entanto, para muitos desenvolvedores mobile, as atualizações de versão do sistema operacional trazem a incerteza de não saber se seus aplicativos continuam com compatibilidade assegurada, e convenhamos, o Android nem sempre garante uma boa retrocompatibilidade, principalmente para soluções que utilizam recursos avançados ou APIs nativas, tais como AudioRecord, OpenGL, pacote ICU4J, gerenciamento de chaves criptográficas, sistema de notificações, execução em segundo plano… Aspectos que merecem a atenção das empresas e desenvolvedores com suas apps na loja de aplicativos Play Store.

Apesar do Android 7, aparentemente, não trazer grandes mudanças de paradigma (já sofremos bastante com a versão 6 – Marshmallow), testes para garantir o bom funcionamento das aplicações sempre serão necessários e bem-vindos. Não é incomum apps apresentarem problemas (crash e/ou mau funcionamento) quando executadas no período inicial de lançamento de novas versões.

No entanto, espera-se que o Android continue evoluindo e atinja maturidade tal que torne transparente, para desenvolvedores e usuários, a transição entre as evoluções de suas versões.

Claudinei Martins

Pesquisador em CPqD
Graduado em Análise de Sistemas pela PUCCAMP (1993), MBA em Gestão Empresarial pela ESAMC (2006) e especialização em Gestão e Desenvolvimento de Sistemas pelo IPEP (2007). Atualmente é pesquisador da Fundação Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações (CPqD), com participação em projetos de apoio à pessoas com deficiência, tecnologias para dispositivos móveis (smartphones, tablets e ambientes embarcados) e sistemas computacionais. Possui experiência em pesquisas aplicadas (P&D), coordenação de projetos de TI e desenvolvimento de sistemas tecnológicos, atuando principalmente nas áreas de acessibilidade e inclusão social, soluções para dispositivos móveis e embarcados, framework de mobilidade e comunicação digital.

Últimos posts por Claudinei Martins (exibir todos)