Pesquisadores europeus visitam CPQD e destacam oportunidades de cooperação tecnológica

A possibilidade de cooperação tecnológica na área de redes móveis de quinta geração (5G) foi o principal resultado da visita ao CPQD de uma missão de pesquisadores europeus, que esteve no Brasil na semana de 19 a 23 de setembro. A visita fez parte da programação dos Diálogos Setoriais entre a União Europeia (UE) e o Brasil, que vêm sendo realizados em várias áreas e que, desta vez, abordou o tema 5G – um dos assuntos tratados no workshop ICT Week, promovido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) em parceria com a UE, em Brasília.

Matti Latva-aho, professor e diretor do Centro de Comunicações Sem Fio da Universidade de Oulu, na Finlândia, Pei Xiao, professor em processamento digital de sinais para comunicações sem fio da Universidade de Surrey, no Reino Unido, e Arturo Azcorra, professor da Universidade Carlos III e diretor do Instituto IMDEA Networks, da Espanha, estiveram no CPQD na terça-feira (20), onde foram recebidos pelo vice-presidente de Inovação Alberto Paradisi. Durante a visita, assistiram a várias apresentações técnicas  (sobre comunicações sem fio, redes de dados, segurança da informação e comunicação e computação cognitiva) e visitaram os laboratórios de sensores ópticos, de comunicações sem fio, de tecnologias ópticas e, ainda, o Laboratório de Qualificação de Sistemas para o Controle do Espaço Aéreo (LQCEA).

Os três especialistas ficaram bastante impressionados com o elevado nível técnico dos profissionais e dos laboratórios do CPQD e destacaram algumas oportunidades de cooperação tecnológica com a organização. “O trabalho realizado no CPQD é completo e impressionante”, disse Pei Xiao. “Existem várias áreas com possibilidade de trabalho conjunto, especialmente em processamento digital de sinais”, acrescentou.

Para Matti Latva-aho, que já esteve no Brasil algumas vezes (ele participa de projetos com várias instituições de pesquisa brasileiras) e, há dois anos, visitou o CPQD, os avanços são significativos. “O CPQD avançou bastante na pesquisa e desenvolvimento na área de comunicações sem fio”, concluiu.

Segundo Fabrício Lira Figueiredo, gerente de Tecnologias de Comunicações Sem Fio do CPQD, a visita corresponde à segunda etapa do projeto coordenado pelo MCTIC no âmbito dos Diálogos Setoriais UE-Brasil. “Foi um marco importante para o estabelecimento de uma futura parceria de pesquisa, entre o CPQD e essas instituições europeias, na área de redes 5G”, avalia Figueiredo, que acompanhou toda a visita.