CPQD Reconhecimento de Fala traz novas funcionalidades

A solução de Reconhecimento de Fala (STT/ASR) do CPQD, que faz parte do portfólio de Interação Inteligente, está ganhando novas funcionalidades: análise de sentimentos e identificação de gênero e faixa etária. Desenvolvidos sob medida para parceiros, para atender necessidades do mercado, os novos recursos são resultado de dois projetos conduzidos pela Unidade EMBRAPII CPQD e serão apresentados em duas lives, programadas para os dias 12 e 26 de maio.

“A solução de Reconhecimento de Fala do CPQD é baseada em tecnologia de Inteligência Artificial totalmente desenvolvida no país, em português do Brasil, com o objetivo de proporcionar uma interação mais intuitiva e humanizada no atendimento a clientes”, afirma Thatianne Mosimann, responsável pelas soluções de Interação Inteligente. “Com a incorporação das novas funcionalidades, a intenção é melhorar ainda mais a experiência do cliente, por meio de um atendimento personalizado e adequado ao seu perfil”, acrescenta.

O recurso de análise de sentimentos, por exemplo, permite identificar pela voz do interlocutor seu estado de ânimo – ansioso, surpreso, neutro, triste, entusiasmado, frustrado, irritado, feliz, amedrontado ou enojado. Com isso, é possível definir o melhor momento para a abordagem do cliente em ações de marketing, vendas ou cobrança. A funcionalidade foi desenvolvida em parceria com a empresa GenNex, que atua na área de soluções de telefonia inteligente, e será o foco da live do dia 12/05, na qual também serão apresentados casos de uso desse recurso.

Já a identificação de gênero e faixa etária – também pela voz do interlocutor – é uma funcionalidade inovadora desenvolvida com a startup Trestto, especializada em agentes digitais humanizados com IA. O recurso, que será apresentado na live do dia 26/05, permite a evolução das soluções de atendimento a clientes, proporcionando maior interatividade e flexibilidade, além de ajudar a evitar fraudes. “É uma funcionalidade com aplicação em vários segmentos, como a área de saúde por exemplo, que poderá dar atendimento prioritário a pessoas idosas a partir da identificação da sua faixa etária”, ressalta Thatianne.

As lives para apresentação das novas funcionalidades da solução CPQD Reconhecimento de Fala começam às 17 horas e têm uma hora de duração. Para participar, basta fazer a inscrição pelo link https://bit.ly/2RbEjBl