, ,

Simples Receita está entre os finalistas de prêmio na área de saúde

A solução Simples Receita, desenvolvida pelo CPQD em parceria com a startup wconnect, está entre os projetos finalistas do Prêmio Empreenda Saúde. A divulgação dos nomes dos seis finalistas foi feita na terça-feira, 28/09, pela Fundação Everis, responsável por essa premiação que tem o objetivo de incentivar o empreendedorismo e a inovação, desenvolver talentos e reconhecer negócios com grande potencial na área de saúde.

Desenvolvida com o apoio da EMBRAPII, a solução Simples Receita tem como foco a segurança e a confiabilidade da prescrição digital de receituário médico, por meio da utilização de tecnologia blockchain. É uma plataforma que funciona como carteira digital onde podem ser guardadas todas as prescrições de medicamentos, vacinas e o histórico médico do paciente – que tem o controle sobre o acesso às suas informações.

Maurício Conti, fundador da wconnect, enfatiza que o conceito adotado no Simples Receita é o de Open Health, com base em uma rede blockchain aberta que deverá reunir médicos, pacientes e também farmácias que realizam vendas pelo e-commerce. A adesão à solução (onboarding) passa por um processo de identificação e autenticação simples e bastante seguro. Segundo Conti, a rede blockchain já foi criada e utilizada por um grupo de médicos e pacientes que participaram de um teste piloto.

O Prêmio Empreenda Saúde foi lançado em 2015 e busca projetos baseados em inovação tecnológica com alto impacto social, inovadores e sustentáveis, capazes de melhorar a qualidade de vida das pessoas e da sociedade.

O pitch day para apresentação dos projetos finalistas – e escolha do vencedor – está marcado para o dia 14 de outubro, no período da manhã. O melhor projeto na área de Saúde representará o Brasil na final internacional do eAwards Global 2021, premiação internacional da Fundação Everis.